31/12/2008

Vencedor Dezembro Arouca PremierLeague 08/09


Dezembro é um mês em que as atenções futebolísticas se concentram exclusivamente na Premier League, única Liga que não é interrompida pela época Natalícia e que este ano, ao contrário dos anteriores, o primeiro dia do ano não terá Campeonato inglês mas sim Taça.
Este ano não foi excepção e não faltou emoção e espectáculo. Para alguns participantes foi um mês em que dentro da competição Fantasy Premier League tinham quatro parâmetros diferentes que analisar. É o caso de Luís Teixeira, adepto do Benfica, Gerente do estabelecimento comercial "Móveis Teixeira", um dos administradores do nosso blog e recentemente aficcionado da Liga Inglesa que arrecadou a vitória neste frenético Mês. Este arouquense, fez uma fantástica recuperação na classificação geral da Arouca PremierLeague, conseguiu a qualificação para o 3º round da Fantasy Cup, venceu a competição paralela em que estava inserido com outros 7 participantes e, está aqui, a protagonizar este remate como Vencedor do Mês de Dezembro. Fantástico!...
Adepto do Aston Villa afirma que: "este ano rendi-me totalmente ao fantástico mundo da Premier League, tento ver o máximo de jogos possíveis". Garante que quer "ganhar a Arouca Champions", "ascender ao top da Arouca PremierLeague e conseguir ir o mais longe possível na Fantasy Cup". São, segundo o próprio, "objectivos para as competições em que participo", "a grande meta é conseguir englobar o máximo de pessoas no fantástico mundo das Fantasys arouquenses".
Quanto ao Líder actual da nossa liga fantástica, esse é Pedro Valente que conseguiu a liderança isolada destronando o anterior Líder Diogo Brito. No remate relativamente ao Vencedor de Novembro já havia referido que este treinador estava a poucos pontos da liderança e alconçou-a este mês com uma vantagem de 30 pontos face ao segundo classificado.
Está ao rubro a Arouca PremierLeague. No próximo mês certamente haverá mais novidades!...

Votos de um 2009 excelente a todos os leitores deste blog é o que vos deseja a administração do Arouca Fantasy!...

30/12/2008

Team Fan´s?


A titulo de curiosidade o aroucafantasy indica os clubes preferidos dos 65 treinadores em prova na Arouca PremierLeague. Seis são nulos (não escolheram qualquer clube), significando que quase metade são admiradores dos red devils.

Manchester United - 28
Chelsea - 10
Arsenal - 9
Liverpool - 5
Tottenham - 3
Aston Villa, Hull City, Newcastle - 1

27/12/2008

Fantasy Cup - Round 2


O Round One realizou-se na Gameweek 19 e dos 41 técnicos ainda em prova, da Arouca Premier League, 18 ficaram pelo caminho. Ireland - que está a fazer uma época absolutamente fantástica - fez 3 assistências, marcou 1 golo, tendo ainda mais 3 pontos de bónus, foi o homem desta jornada com 19 pontos. O médio do Man. City é actualmente o 4º jogador mais pontuado de todo o jogo, apenas atrás de Lampard, Anelka e Bosingwa.
O 2º Round irá corresponder à 20ª gameweek, já no Domingo. Dos 23 apurados, apenas 2 são do top 10 e 7 do top 20. Eis os eleitos:


Apurados / Nacionalidade do Adversário
  1. Bruno Pereira - Inglaterra
  2. Paulo Pinto - Inglaterra
  3. Bruno Martins - Inglaterra
  4. Julio Capela - Inglaterra
  5. João Santos - Inglaterra
  6. Gonçalo Almeida - Inglaterra
  7. Pedro Brandão - Inglaterra
  8. Gabriel Cabral - Inglaterra
  9. José Carlos Duarte - Inglaterra
  10. João Pedro Santos - Irlanda
  11. Alexandre Maia - Irlanda
  12. Diogo Ferreira - Irlanda
  13. José Rocha - Irlanda
  14. João Grilo - Irlanda
  15. Miguel Leite - Malásia
  16. João Quaresma - Malásia
  17. Tiago Mendes - USA
  18. Bruno Gomes - Israel
  19. Luis Teixeira - Suécia
  20. Joaquim Almeida - Escócia
  21. Pedro Tavares - Gana
  22. João Teixeira - Africa do Sul
  23. João Martins - Austrália

Fantasy Cup - Round 1


A Fantasy Cup é – entre outros – um aliciante extra extremamente interessante que distingue a Fantasy Premier League de todas as outras. É uma competição a eliminar que envolve todos os jogadores inscritos e tem normalmente início no Boxing Day.
As equipas são sorteadas aleatoriamente e o vencedor (equipa que fizer mais pontos nessa gameweek) prosseguirá para a ronda seguinte onde irá ser sorteada nova equipa, os perdedores estão automaticamente fora da competição. Esta competição dura até à jornada final da Premierleague onde duas equipas jogam a "FPL Fantasy Cup final".
Houve uma Ronda de Qualificação na Gameweek 18 de onde ficaram os 1.021.290 com melhor pontuação e dos 65 participantes da Arouca Premier League 41 qualificaram-se para o Round 1 que é já no tão aclamado Boxing Day – Dia 26 de Dezembro.
Na época passada o técnico arouquense a ir mais longe foi Pedro Reis que chegou até ao 6º Round. Espera-se que este ano alguém consiga ir mais longe:

Apurados / Nacionalidade do Próximo adversário
  1. Alexandre Maia - Inglaterra
  2. Bruno Pereira - Inglaterra
  3. Paulo Pinto - Inglaterra
  4. Diogo Ferreira - Inglaterra
  5. Miguel Leite - Inglaterra
  6. João Santos - Inglaterra
  7. Joaquim Almeida - Inglaterra
  8. Pedro Tavares - Inglaterra
  9. José Carlos Duarte - Inglaterra
  10. Gabriel Cabral - Inglaterra
  11. João Teixeira - Inglaterra
  12. Luis Barbosa - Inglaterra
  13. Xavier Julião - Inglaterra
  14. Rui Ramada - Inglaterra
  15. João Mendes - Inglaterra
  16. Paulo Miller - Inglaterra
  17. João Santos - Austrália
  18. Bruno Martins - Austrália
  19. José Rocha - Austrália
  20. Pedro Brandão - Austrália
  21. João Grilo - Austrália
  22. Vitor Soares - Austrália
  23. Pedro Ferreira - Austrália
  24. Luis Teixeira - Africa do Sul
  25. Tiago Mendes - Africa do Sul
  26. João Quaresma - Africa do Sul
  27. João Martins - Irlanda do Norte
  28. Gonçalo Almeida - Irlanda do Norte
  29. Diogo Amaral - Irlanda do Norte
  30. Anabela Santos - Irlanda
  31. Hugo Rebelo - Irlanda
  32. Jorge Rocha - India
  33. Fernando Tavares - USA
  34. Luis Rocha - Singapura
  35. Bruno Gomes - Nepal
  36. Julio Capela - Noruega
  37. Diogo Duarte - Hong Kong
  38. Diogo Brito - Macedónia
  39. Artur Dias Costa - Malásia
  40. Filipe Silva - Luxemburgo
  41. João Pedro Martins - Espanha

20/12/2008

Aonde se joga Fantasy?



O Aroucafantasy fez uma pesquisa aproximada, considerando 106 jogadores identificados pelas 3 competições em prova, com a finalidade de verificar por onde andam os treinadores da nossa comunidade. Eis os resultados:

Arouca: 43 %

Burgo: 17 %

Sta Eulália: 14%

Moldes: 12 %

Fora do Concelho: 3 %

Rossas, Mansores e Tropeço: 2%

Chave, Várzea, Escariz, Alvarenga e Urro: 1 %

19/12/2008

Taça Uefa - 5º Jornada

Benfica, Shalke 04 e Sevilha foram ingloriamente eliminados da Taça Uefa e são as grandes desilusões da prova. Em contradição o Metalist, NEC e Lech Pozan da Polónia passaram á fase seguinte e foram agradáveis surpresas. Destaque ainda para o CSKA que foi a única equipa cem por cento vitoriosa.
O defesa islandês Herman Hreidarsson – habitual suplente do Portsmouth – marcou um golo na vitória caseira da sua equipa frente aos holandeses do Hereenven e despede-se assim da competição como player da jornada com 12 pontos. Hreidarsson está em Inglaterra desde 1997 e depois de curtas passagens por Crystal Palace, Brentford, Wimbledon e Ipswich Town, esteve 5 anos no Charlton, transferindo-se apenas em 2007 para o Portsmouth.

Relativamente ao futebol virtual a Arouca Cup continua inteiramente dominada por Artur Dias Costa - o 3º classificado do ano passado - que com esta jornada triunfal tornou-se no Campeão de Inverno, passou a ser o 309º a nivel mundial e aumentou a vantagem sobre o 2º classificado para 29 pontos. O seu mais recente perseguidor é o ambicioso João Pedro que tem dado nas vistas intercaladamente sendo agora compensado com a sua primeira presença no topo de uma tabela. Tal como na Champions a prova regressa só em Fevereiro e até lá continuarão a ser ambas lideradas por 2 treinadores de Moldes?!?

11/12/2008

Pedro Tavares - Campeão de Inverno


Pedro Tavares 30 anos de idade, residente em Vila Nova de Gaia mas com origens e ascendências familiares de Adaúfe – Arouca, é líder e Campeão de Inverno da Arouca Champions 08/09. Numa prova com 250 mil participantes, é ainda o 319º mundial.
Tavares, 12º classificado do ano transacto, está à 4 jornadas consecutivas na liderança e uma vez mais – embora agora a distância seja de apenas 5 pontos – resistiu à pressão que tem sido imposta continuamente por Luís Teixeira, o 2º classificado.
José Brito tem andado nos lugares cimeiros desde o início da prova, mas esta jornada obteve uma pontuação desastrosa e descolou do trio da frente que é agora complementado por Artur Miler. O renovado 3º classificado alcançou a melhor pontuação da jornada com 69 pontos e não deixou fugir a carruagem, que por uma já significativa diferença de pontos marcha na vanguarda. A prova irá fazer uma pausa de dois meses e só regressará em Fevereiro. Até lá felicidades e boas festas a todos os participantes.

Champions - 6ª Jornada



O inevitável Raúl, não satisfeito com a proeza de melhor marcador de sempre da história da Liga dos Campeões, voltou a facturar agora por 2 vezes. Fazendo ainda 1 assistência, tornou-se no player desta ultima jornada da fase de grupos com 13 pontos.
Tem sido uma Champions sem surpresas. Estão encontrados os 16 finalistas e todos os mais fortes passaram; 4 inglesas, 4 espanholas, 3 italianas, 2 portuguesas, 1 de França, Alemanha e Grécia.
A Inglaterra pela terceira edição seguida tem quatro representantes nos oitavos de final. A Espanha também faz o pleno. A Fiorentina não passou e a Itália perde o seu primeiro dos 4 participantes. Destaque também, como já foi referido para Portugal, que pela primeira vez na história consegue ter 2 equipas na primeira ronda a eliminar.
Bordéus, Werder Bremen, Shaktar Donestk, Marselha, Aaalborg, Fiorentina, Dínamo Kiev e Zenit seguem para Uefa.
Cluj, Anorthosis, Basileia, PSV, Celtic, Staua Bucareste, Fenerbache e BATE estão fora das competições europeias.

09/12/2008

Taça Uefa - 4ª Jornada


O Braga confirmou a sua passagem á fase seguinte pelo 3º ano consecutivo, algo praticamente impossível para o Benfica, uma vez que terá de vencer o Metalist da Ucrânia por uma diferença de 8 golos na última jornada.
O internacional brasileiro Vágner Love – ídolo do CSKA com 85 golos em 161 jogos nos 4 anos que actuou na equipa russa – marcou 3 golos ao Nancy e foi o player desta 4ª jornada da Taça Uefa com 14 pontos.
Na Arouca Cup, Artur Dias Costa manteve a liderança e aumentou a distância sobre o 2º classificado para 10 pontos. O líder tem como particularidade interessante, ter já ocupado o topo da tabela nas 3 fantasys em prova. Mas como é perceptivel tem vindo a perder gás na Champions e Premier League, baixando substancialmente em ambas na tabela. Será desta que conseguirá resistir? Em sua perseguição estão já 3 treinadores no 2º posto com o mesmo número de pontos. São eles; Pedro Rodrigues, Pedro Reis e Joaquim Almeida.

02/12/2008

Vencedor Novembro Arouca PremierLeague 08/09


No mês que antecede a época Natalícia que promete redobradas atenções e emoções, Vitor Soares, 27 anos, Técnico de Informática a trabalhar no Cartório de Santa Maria da Feira e Presidente da JSD Arouca foi o Vencedor do Mês de Novembro da Arouca PremierLeague. Natural da freguesia de Santa Eulália e residente na freguesia de Arouca, também ele é um estreante na competição. E que bela estreia está a fazer disputando a liderança a cada jornada que passa, ele que destronou Diogo Brito da vitória neste mês na última jornada. Vitor Soares afirma que está "a gostar da competição" e que "não estava à espera desta vitória nem tão pouco de estar nos lugares cimeiros" mas quer "aguentar o mais tempo possível nos primeiros lugares".
O Líder da classificação continua a ser Diogo Brito que vinha liderando tanto a classificação geral como a classificação do mês que perdeu no último momento para Vitor Soares como já acima referido. O Treinador da equipa TG||Mix vem conseguindo gerir a vantagem que tem para os seus perseguidores embora esta tenha agora diminuido estando agora com apenas 6 pontos de vantagem sobre o segundo classificado Pedro Valente.

30/11/2008

Taça UEFA - 3ª Jornada


Dois jogos, duas derrotas. Na Uefa sucede-se o mesmo filme da última jornada, mas agora em versão de terror; o Braga voltou a perder nos últimos minutos com dois golos repentinos e o Benfica foi atropelado no desastre de Atenas pelos gregos do Olympiakos estando assim praticamente fora da competição. Algo impensável no inicio da prova e frustrante tanto para a comunidade benfiquista como para o futebol lusitano.
As constantes mudanças de líder e a curta distância de 16 pontos que separam o 1º para o 10º classificado espelha bem a competitividade que tem transparecido na nossa Arouca Cup. Artur Dias Costa alcançou o 1º lugar e torna-se no terceiro líder em 3 jornadas. Joaquim Almeida, ultrapassado por apenas 1 ponto fixa-se agora no 2º posto. Dias Costa, 3º classificado do ano transacto, é o 2310º na classificação geral e contou com o incondicional apoio do médio Luciano Galletti para alcançar a liderança. O internacional argentino foi um dos carrascos do Benfica; marcou 1 golo, fez 2 assistências, somou 12 pontos e foi o player desta jornada.

27/11/2008

Champions - 5ª Jornada


Jadson, médio tecnicista de 25 anos contratado pelo Shaktar Donestk ao Atlético Paranaense em 2005, marcou 3 golos e fez 1 assistência estando em 4 dos 5 golos com que a sua equipa goleou o Basileia. A sua exibição deslumbrante acumulou 22 pontos, uma marca elevadíssima que ameaça o record estabelecido pelo israelita Benayoun quando somou 25 pontos no ano transacto ao serviço do Liverpool.
Estão já encontradas 13 do lote de 16 equipas que estarão presentes em Fevereiro nos oitavos de final: 4 espanholas (fazem o pleno), 3 inglesas (falta o Chelsea), 2 italianas (Roma bem encaminhada e Fiorentina eliminada), 2 portuguesas, 1 alemã (Bremen de fora) e 1 francesa (Bordéus com tarefa complicada e Marselha eliminado).
Não houve surpresas e passarem as equipas dos campeonatos mais fortes, estando apenas tudo por decidir no Grupo A, entre o Chelsea, Bordéus e Roma e no grupo B onde sairá do jogo Panathinaikos – Anorthosis, o outro acompanhante do Inter.
Relativamente á Arouca Fantasy, Pedro Tavares eleva cada vez mais o seu favoritismo sustendo-se com firmeza na liderança, conseguindo ainda subir na classificação mundial para 534. O inglês Gerard – grande estrela da presente época e de longe o mais pontuado com 43 pontos – tem sido o seu abono de família.
No pódio os suspeitos continuam a ser os mesmos, embora que agora tenham trocado de posição; José Brito passou a ser o 3º e Luís Teixeira o 2º a 11 pontos do líder.

26/11/2008

Números da Champions


Pela primeira vez na história, Portugal tem duas equipas garantidas nos oitavos de final da Liga dos Campeões. Depois do Sporting, que será uma estreia absoluta nesta fase da competição, foi a vez do FC Porto que alcançou assim a sua 3ª qualificação consecutiva – a 5ª nos últimos seis anos.
Lisandro com os dois golos marcados na Turquia, ultrapassou Lucho Gonzalez e tornou-se no 2º melhor marcador da história dos dragões na Champions com 10 golos, estando ainda a 9 do goleador máximo Jardel.
O espanhol Raúl, que ao marcar o golo da vitoria dos merengues na BieloRússia, igualou Filippo Inzaghi do Milan no topo dos melhores marcadores de sempre nas competições europeias com 64 golos. Ora, como Raul só marcou 2 na Taça Uefa, sobram 62 para a Champions, que fazem dele o melhor artilheiro da historia da prova, com mais dois que o seu colega de equipa Van Nistelrooy. A luta continua acesa.

22/11/2008

Surpresa da Taça


Com a recente eliminação do Arouca, o protagonismo da Taça de Portugal 08/09 passou todo para os nossos vizinhos de Cinfães. O clube da 3ª divisão nacional, investiu bastante para esta época e está numa forma ascendente pretendendo seguir o exemplo do Arouca, subindo já este ano à 2ª Divisão.
O plantel é recheado de atletas que vaguearam pelos nacionais, e curiosamente conta com o guarda-redes Padeiro e o avançado Mauro (ambos na foto), 2 jogadores bem conhecidos dos adeptos de Arouca, que são peças importantes na equipa e estarão presentes Sábado dia 13 de Dezembro ás 15 horas no Cinfães – FC Porto, um jogo inédito que será transmitido na TVI.

18/11/2008

Rendidos à Premiership


Por mais significativa que seja a simpatia que temos pelo nosso clube, os nossos jogadores e o nosso campeonato… temos que admitir que não à paixão que resista à fantástica Premiership. Definitivamente considerada a Liga nº 1 mundial, funciona cada vez mais como uma espécie de NBA do futebol.
A qualidade das suas equipas, a beleza do seu futebol, a emoção dos seus jogos ou a chama dos seus adeptos conquistaram o planeta e deveriam ser exemplos a seguir por todo o mundo. As partidas são quase todos á mesma hora, o que transforma tradicionalmente os Sábados como míticos em Inglaterra.
Atrevo-me a dizer que começam a ser também em Portugal. Peço desculpa, em Arouca queria eu dizer. Devido à redução de 18 para 16 clubes, às pausas constantes, à monotonia inevitável e a outras componentes negativas do nosso futebol, implementa-se uma relação cada vez mais forte e amorosa entre Arouca e a Premier League, muito impulsionada pela emocionante Fantasy que está absolutamente em alta.
Sábado é dia de Sport Tv, é dia de jogos, é dia de futebol espectáculo. Sábado é dia de Fantasy. Junta-te a nós. Escolhe um emblema, apaixona-te por uma equipa e rende-te à Premier League!

17/11/2008

Vencedor Outubro Arouca PremierLeague 08/09


Pedro Ferreira, 26 anos, licenciado em Educação Visual e Técnico Desenhador Projectista é o Vencedor do Mês de Outubro da Arouca PremierLeague. Este treinador arouquense, um estreante nesta competição, conseguiu um desempenho notável no referido mês conseguindo alcançar a parte superior da tabela classificativa. Promete assim ser um caso sério, ele que afirma que quer "obter a melhor classificação possível" e promete " fazer o máximo pelos lugares de topo". "Estou na luta" e "quero fazer a melhor estreia possível" foram algumas das declarações mais significativas proferidas por Pedro Ferreira que sem dúvida fazem crescer a competitividade e emoção nesta fantástica Liga Arouquense.
O Líder neste momento é Diogo Brito, que vem mantendo a liderança com uma boa vantagem sobre o 2º classificado, Vitor Soares. A equipa TG||Mix tem feito excelentes pontuações e mantém-se firme no primeiro lugar desde que o alcançou sendo que, inclusivé, lidera até esta altura o Mês de Novembro.

12/11/2008

Novo endereço: www.aroucafantasy.com

Nos últimos dias o blog tem sofrido alguma instabilidade, tendo mesmo ficado inacessível. Desde já pedimos desculpas por qualquer incómodo, mas foi por um bom motivo.

O Arouca Fantasy orgulha-se de apresentar mais uma novidade. A partir de hoje podem aceder ao blog mais facilmente, através de um novo endereço: 

www.aroucafantasy.com

Podem alterar os vossos favoritos para a nova morada, ou se não quiserem ter esse trabalho, o endereço aroucafantasy.blogspot.com continua disponível.

10/11/2008

Taça Uefa - 2ª Jornada


Quando uma equipa entra no círculo fechado das derrotas e fica tempos indefinidos sem vencer é porque algo está mal, algo tem que mudar! As primeiras contestações são inevitavelmente para os treinadores.
A saída de um técnico e a entrada de outra gera quase sempre entusiasmo no plantel que ganha assim uma motivação extra para o confronto seguinte. Estou a falar no exemplo do Tottenham que com Juande Ramos – treinador espanhol de reconhecida qualidade devido ao excelente trabalho realizado no Sevilha – não conseguiu sair dos últimos lugares da Premier League. Juande Ramos foi despedido e Harry Redknapp com os mesmos jogadores fez o Tottenham regressar aos triunfos com 3 vitorias no campeonato (Bolton, Liverpool e Man City), um empate a 4 em Londres frente ao Arsenal e uma goleada por 4-0 na Uefa! O avançado inglês Darren Bent, foi o homem da partida e sucessivamente da jornada com 3 golos e 14 pontos.
O Benfica decepcionou com uma exibição desastrosa comprometendo assim o apuramento. Ao contrário do Braga que apesar da inspiração de Ronaldinho no ultimo minuto, continua a surpreender e realizou uma grande exibição frente ao monstruoso AC Milan.
Relativamente á nossa Arouca Cup, surge no topo da tabela um nome bem participativo que tem marcado presença em todas as competições do AroucaFantasy desde o seu inicio. Joaquim Almeida, depois de dois anos com um rendimento modesto, aplica aqui o seu primeiro golpe estratégico sendo o líder com 98 pontos e 1.149 mundial. Terá no entanto, que ter o máximo cuidado pois está apenas a 3 pontos do galardoado Pedro Reis que finalmente dá sinais de vida esta época. Artur Dias Costa apaixonante declarado por esta competição é o 3º classificado.

06/11/2008

Champions - 4ª Jornada


A 4ª ronda da Champions ditou uma jornada gloriosa para o futebol português! FC Porto depois da derrota inesperada de á 15 dias no dragão, regressou as vitorias com 3 pontos preciosíssimos arrancados nos últimos minutos, ao Dynamo da Ucrânia. Assume assim o segundo posto e depende apenas de si para alcançar a meta dos oitavos de final. Meta essa, já atingida pelo Sporting depois de nova vitoria frente ao Shaktar; os leões somam o 3 jogo consecutivo sem sofrer golos e vão discutir o primeiro lugar do grupo com os catalães.
Matematicamente 3 equipas estão já apuradas – Sporting, Barcelona e Juventus – e apenas 1 (Steaua Bucareste) disse adeus a esta edição.
O Inter de Mourinho passou por grandes apuros no Chipre , sendo apenas salvo pela inspiração do jovem Mário Balotelli; o avançado de 18 anos esteve nos três golos nerazurri, com 1 golo e 2 assistências e apesar de ter somado a mesma pontuação de Réveillére do Lyon e Tziolis do Panathinaikos - 12 pontos - foi eleito player da jornada pela presença preponderante nos golos e consequente exibição.
Na liga de Arouca, Pedro Tavares não mexeu muito na sua equipa e torna-se no primeiro técnico deste ano, resistente a 2 jornadas contínuas na liderança. É o 1572º mundial e está apenas a 12 pontos de José Brito que permanece surpreendentemente no 2º posto. Luís Teixeira, que já ocupou a liderança na 2ª ronda, obteve a melhor pontuação da jornada com 57 pontos e fixou-se na 3ª posição.

05/11/2008

Rectificação de Pontos


Informa-se todos os participantes que jogam na Arouca Cup que a Uefa procedeu recentemente a uma rectificação de pontos. São erros e situações lamentáveis que poderiam no entanto ser evitadas.
Não está em causa a correcção de pontos ou análise das jogadas (se foi ou não assistência ou golo), mas sim a sua excessiva demora. Nestes casos olhamos ao exemplo da Fantasy executada pela Premier League que raramente permite situações complicadas como esta.
Foram, portanto, retirados 2 assistências ao Káká; menos 6 pontos. E acedida justamente 1 assistência a Luís Aguiar do Braga; mais 3 pontos.
Estas alterações desenvolveram alterações no cimo da classificação, nomeadamente Luís Teixeira deixou de ser 1º para ser 3º e Hélder Pimenta assumiu a liderança com 57 pontos.

28/10/2008

Vencedor Setembro Arouca PremierLeague 08/09


O Vencedor do Mês de Setembro revelou um nome bem conhecido dos Treinadores Arouquenses que participam na Arouca PremierLeague. Trata-se de Alexandre Maia, o Vencedor da 1ª edição da Arouca PremierLeague. Este estudante do Ensino Secundário de 17 anos de idade conta assim com o referido Título da primeira edição e um 3º lugar alcançado na segunda edição, ele que participa em todas as competições organizadas pelo Arouca Fantasy conseguindo sempre grandes resultados, sendo esta competição a sua especialidade. Este ano, Alexandre Maia continua apostado em revalidar este título. Após o mês de Agosto, que não lhe correu bem, mostrou no passado mês para contarem com ele "nesta e nas restantes competições" já que este jovem arouquense quer "fazer o melhor possível em todas as competições".
O Líder da Liga até ao momento é um estreante entre nós, Zé Luís Duarte, que desta forma confirma que as boas surpresas podem acontecer. Apesar de ser estreante, vai conseguindo gerir uma boa vantagem sobre o segundo classificado e anterior líder Artur Dias Costa.

27/10/2008

Astros da Europa: Rosina



  • Nome: Alessandro Rosina
  • Idade: 24 anos
  • Clube: Torino
  • País: Itália

Torino - um dos clubes mais populares de Itália, tem sede em Turim e é o eterno rival da Juventus. O clube dominou o futebol do seu país nos anos 40 vencendo 4 campeonatos e 2 Taças. No entanto essa equipa vitoriosa viria a ter um final trágico quando em 4 de Maio de 1949, após disputar um amigável frente ao Benfica o avião que trazia toda a comitiva de regresso a Itália despenhou-se contra a Basílica de Superga (perto de Turim) e todos os jogadores morreram. Desde esse dia nefasto para história do futebol o clube de Turim nunca mais viria a ser o mesmo.
Nos dias de hoje a equipa tem oscilado entre a subida e descida de divisão e nela desponta um craque notável que carrega a equipa ás suas costas: Alessandro Rosina é um médio ofensivo baixinho (1,68), extremamente habilidoso e detentor de uma técnica invulgar.
Formado nas camadas jovens do Parma, nunca lhe deram oportunidade de brilhar na equipa principal sendo emprestado ao Verona em 2005. Na época seguinte surgiu um novo empréstimo que no entanto viria a ser eterno. O jovem italiano foi um dos principais responsáveis pelo regresso do histórico granata á Série A, numa época repleta de fantasia marcando 12 golos que fizeram com que a direcção do Torino o contratasse em definitivo. O investimento foi certeiro, já que o número 10 passados 2 anos é já o capitão, estrela e grande ídolo dos adeptos.
Alessandro Rosina é um génio daqueles que deixam os adeptos silenciosos – todos criam grandes expectativas e nunca se sabe o que vai fazer quando tem a bola nos pés. Imprevisível, rápido, lutador e perigosíssimo no 1 x 1, é uma autentica carraça que joga solto no meio campo sem grandes preocupações defensivas. Faz muito bem o apoio ao ponta de lança (Rolando Bianchi) com arrancadas vindas de trás e mudanças de velocidade alucinantes. Rosinaldo, como é apelidado devido á sua elevada técnica é também quem marca todas as bolas paradas com o seu pé esquerdo fantástico, sendo um eximio marcador de livres frontais.
Já foi um indiscutivel da selecção sub-21 e recentemente internacional A por uma vez. O Inter, a Roma e o Arsenal são os clubes que já demonstraram interesse na sua contratação que ao consumar-se poderá aclamar Rosina como um dos melhores numero 10 a nível mundial. Estejam atentos.

25/10/2008

Uefa Ranking


Portugal aproximou-se da Holanda e consolidou o nono lugar no ranking de clubes da Uefa, aumentando assim a vantagem sobre a Ucrânia, graças ás vitórias de Sporting e Sp. Braga e ao empate do Benfica.
Já se sabe que Portugal vai perder uma equipa na Liga dos Campeões em 2009/10, passando de três para dois representantes. Com o sexto lugar da Rússia (que que vale três equipas na Champions) demasiado longe, torna-se importante defender a actual posição, que significaria ter uma equipa directamente na fase de grupos mais uma na pre-eliminatória e quatro clubes na Taça Uefa, a mesma situação permitida pelo sétimo e pelo oitavo do ranking. O décimo classificado perde uma equipa na Taça Uefa.
Ao arrancar na nona posição, Portugal arrisca-se a ficar apenas com duas equipas também em 2010/11. Os efeitos do ranking da época 2008/09 sentir-se-ão em 2010/11.

24/10/2008

Taça Uefa - 1ª Jornada



Julien Féret médio francês de 26 anos totalmente desconhecido, deixa num curto espaço de meio ano ser jogador do Stade de Reims – equipa da 2ª divisão francesa – e passa a ser um astro com direito a destaque no nosso blog. Féret, contratado pelo Nancy no início de época, foi quem mais brilhou na 1ª jornada da Taça Uefa. Com 1 Golo e 2 assistências, somou 13 pontos que foram absolutamente cruciais para a vitória por 3-0 do 16º classificado do Championat, frente aos holandeses do Feynoord.
Resultado exactamente igual obteve o Sporting de Braga, que indiferente á qualidade dos seus adversários tem se afirmado nesta competição e implantado algum respeito ano após ano. A equipa de Jorge Jesus viajará na próxima jornada até Milão para defrontar Kaka, Pirlo, Ronaldinho e companhia que também venceram nesta jornada inaugural. O Benfica empatou em Berlim com um golo de Di Maria e avaliando todas as condicionantes futuras supõe-se ser um resultado positivo.
A Arouca Cup está de regresso e iniciou com 42 treinadores, um número muito inferior aos 99 da Champions mas superior aos 29 do ano passado. Luis Teixeira, vice - campeão da época transacta, perdeu recentemente a liderança da champions mas compensou rapidamente o bom momento de forma inicial com uma entrada fulgurante nesta campanha. É perseguido por Hélder Pimenta que tem como habito rondar os lugares cimeiros e é já considerado um técnico perigoso nesta competição.
Para finalizar, é importante referenciar que a Liga atingiu pontuações muito positivas no âmbito geral e que o líder arouquense é o 753º do mundo. O nosso blog detém muitas esperanças nesta competição para este ano, e para isso contamos com todos vós. Daqui a 15 dias cá estaremos.

23/10/2008

Champions - 3ª Jornada


Futebol espectáculo na 3ª jornada da Champions, com jogos extremamente emotivos e golos, muitos golos. Dizer já que o Barcelona goleou o Basileia em sua própria casa por 5 a 0 e torna-se na única equipa cem por cento vitoriosa com 9 pontos conquistados, tendo já praticamente garantido a sua passagem óbvia á fase seguinte.
Se o 3-5 do Steaua Bucareste – Lyon foi um resultado curioso o que dizer do 6-3 entre o Villareal – Aalborg. Joseba Llorente avançado espanhol de 29 anos contratado pelo submarino amarelo no início de época ao Valladolid realizou um fantástico hat-trick em 45 minutos e tornou-se num surpreendente homem da jornada com 13 pontos. No entanto o melhor marcador da competição é Berbatov com 4 golos.
Portugal criou um embate interessante com o futebol ucraniano, seu grande perseguidor no ranking da uefa. O Porto voltou a desiludir e assim com esta derrota caseira fica numa situação complicada. Melhor esteve o Sporting de Paulo Bento, que uma vez mais sem concluir um jogo fascinante tornou a ganhar com um golo eficaz de Liedson. O golo do levezinho torna-o como melhor marcador de sempre do Sporting em competições europeias e deixa o Sporting em condições muito promissoras para finalmente conseguir a presença nos oitavos final.
A Arouca Champions mantém equilíbrio competitivo e volta a conhecer um novo líder. Desta vez é Pedro Tavares que está no topo da tabela, ele que depois de dois registos moderados em edições anteriores da competição (21º e 12º) surge este ano como um candidato. 9 Pontos apenas o separam de José Brito que manteve assim o seu segundo lugar. Ricardo Amorim, 3º classificado foi uma novidade e Ivo Brandão a grande surpresa; teve uma subida muito acentuada na tabela e registou a melhor pontuação da jornada com 77 pontos, na sua equipa distinguiram-se o capitão Messi, os médios Gerrard e Walcott e o defesa inglês John O´Shea.

21/10/2008

Quem se segue?


Arouca está em festa! Vitoria histórica frente ao Marítimo na III eliminatória da Taça de Portugal naquele que foi o jogo de estreia oficial com equipas da 1ª Liga.
Hoje não há jornal desportivo algum, que não tenha uma reportagem do nosso FCA, com destaque para o Presidente, o treinador José Pedro e o guarda-redes Ivo que foi considerado o homem do jogo ao defender dois penalties.
Carlos Pinho - o presidente, disse “Que venha o meu Porto” e afirmou que quer subir já este ano tencionando chegar á 1º Liga.
O sorteio da Taça será amanha e tudo pode acontecer. Saltará o Arouca em apenas 2 anos do campo do Cortegaça, Sanguedo ou Carregosa para o Estádio da Luz ou Dragão?

16/10/2008

Arouca Cup 08/09


Abriu finalmente a Arouca Cup 08/09, tens até dia 23 de Outubro - Quinta-Feira (17 h) data limite de entrada da 1ª jornada para fazeres equipa. Se jogaste no ano passado entrarás automaticamente para a liga, senão informa-te através dos teus colegas para adquirires o código.
Quem sucederá a Hugo Rebelo como campeão? Não percas esta oportunidade para aumentares o teu coeficiente no ranking geral da nossa Arouca Fantasy.



Contamos contigo!

10/10/2008

Um olhar sobre… a Lazio


Depois de três anos muito atribulados devido a varias situações negativas, nomeadamente a vergonha do CalcioCaos, a despromoção da Juventus e a violência nos estádios, a Série A parecia ter entrado numa decadência indefinida. Puro engano.
Este ano, o campeonato ganhou mais brilho com a presença de personalidades como José Mourinho e Ronaldinho e parece estar renascida com o índice de competitividade que as equipas tinham nos anos 90, quando o futebol táctico italiano era considerado o melhor da Europa.
Após 6 jornadas o campeonato é liderado pelo Inter de Quaresma, a Udinese e uma Lazio que tem encantado com o seu futebol de ataque bem orientado por Delio Rossi.
Após o fiasco 12º lugar da época passada os biancocelesti reforçaram-se muito e estão no bom caminho para ocuparem os primeiros lugares regressando assim ás competições europeias.


O argentino Carrizo proveniente do grande River Plate é já um indiscutivel na baliza. Assim como o suíço Lichtsteiner que após três épocas de bom nível no Lille de França impôs-se sem dificuldades no lado direito da defesa. O lado oposto tem sido discutido por dois homens: Kolarov um sérvio que para os mais atentos fez parte da DreamTeam do fantasy Euro-sub21, e Radu jovem de 21 anos ex Dinamo Bucareste.
Embora Cribari e De Silvestre sejam boas alternativas, o centro da defesa tem sido ocupado pelo experiente Siviglia e o checo David Rozehnal.
No meio campo joga o capitão Ledesma, médio defensivo muito regular e Brocchi que após muitas épocas no Milan mudasse aos 32 anos para Roma. A transmissão de jogo ofensivo passa pelo brasileiro Matuzalém que no entanto tem oscilado entre a titularidade e o banco.
O técnico Delio Rossi tem utilizado um 4-4-2 clássico com Stefano Mauri e Foggia a abrirem bem nas alas para servirem a dupla de sonho que reside na equipa: Pandev e Mauro Zarate. O macedónio continua a ser a referência dos adeptos mas o argentino Zarate tem encantado e é já o melhor marcador do campeonato com 6 golos. Bem ao estilo de Messi, Aguero e Lavezzi do Nápoles, Zarate é mais um craque baixinho da cantera argentina prestes a explodir na Europa. Custou qualquer coisa como 24 milhoes de euros ao All-Sadd do Qatar e não tem dado hipoteses a qualquer tipo de concorrência mesmo que nela existem nomes como; Makinwa, Simone Inzaghi e Rocchi.
Zarate e Foggia que é um imprevisível e tecnicista contratado ao Cagliari são os jogadores em maior destaque neste inicio de epoca. A rever…

08/10/2008

Maiores Transferências


Haja dinheiro. Em Inglaterra, com o brasileiro Robinho á cabeça, gastou-se qualquer coisa como 615 milhões de euros em transferências de jogadores, o valor mais alto de entre todos os campeonatos do velho continente. Segue-se Itália com a soma de 508 e Espanha com 270 milhões de euros. O campeonato francês ficou em 4º lugar com 215 milhões de euros, seguido do futebol alemão com cerca de 150 milhões de euros.
Em Portugal gastou-se 69 milhões de euros e os atletas mais caros foram os sul americanos Rodriguez e Pablo Aimar que custaram 7 e 6.5 milhoes de euros respectivamente.





Top 22 Trasnferências


42 Milhões; Robinho – Real Madrid > Machester City
31.7 Milhões; Daniel Alves – Sevilha > Barcelona
30.6 Milhões; Berbatov – Tottenham > Man United
30 Milhões; Danny – Dínamo Moscovo > Zenit
24.9 Milhões; Quaresma – Porto > Inter
24.8 Milhões; Zarate – All Sadd > Lazio
23.8 Milhões; Robbie Keane – Tottenham > Liverpool
23.8 Milhões; – Cska > Manchester City
22.4 Milhões; Amauri – Palermo > Juventus
22 Milhões; David Bentley – Blackburn > Tottenham
20.9 Milhões; Ronaldinho – Barcelona > AC Milan
20.7 Milhões; Modric – Dínamo Zagreb > Tottenham
20 Milhões; Bosingwa – Porto > Chelsea
18.5 Milhões; Fellaini – Standard Liége > Everton
17.4 Milhões; Guiza – Maiorca > Fenerbache
17 Milhões; Pavlyuchenko > Spartak Moscovo > Tottenham
16.8 Milhões; Nasri – Marselha > Arsenal
16.2 Milhões; Sulejmani – Heerenveen > Ajax
15 Milhões; Mancini – Roma > Inter
14 Milhões; Muntari – Portsmouth > Inter
14 Milhões; Barzagli – Palermo > Wolfsburgo
13 Milhões; Van Der Vaart – Hamburgo > Real Madrid


Fonte: Revista Futebolista

03/10/2008

Benfica e Braga na Uefa



Benfica e Braga eram as equipas em quem os portugueses mais depositavam esperanças.
Os minhotos venceram facilmente o Artmedia da Eslováquia por 6-0 no conjunto de duas mãos e garantiram a sua 3ª qualificação consecutiva para a fase de grupos. Serão este ano acompanhados pelo Benfica que após 2 jogos bem disputados eliminaram os italianos do Nápoles.
Triste foi o final do Vitoria de Guimarães; a equipa de Manuel Cajuda entrou muito bem no jogo e chegou ao intervalo já com a eliminatória empatada. No entanto viria a sofrer 2 golos no prolongamento que ditaram uma eliminação inglória tal como já se tinha sucedido na Champions. O Marítimo fez o que lhe competia (2 derrotas frente ao Valência) e o Setúbal equipa da qual se depositavam ainda algumas esperanças foi a grande desilusão; aos 22 minutos já perdia vergonhosamente por 3-0 na Holanda demonstrando uma enorme inexperiência europeia.
Relativamente ás outras equipas houve 2 ou 3 surpresas como o Lech Poznan da Polónia ou o Zilina da Eslováquia.
Destaque ainda para a Alemanha e Holanda que levam ambas 5 equipas cada uma e para Valência, Sevilha, Milan, Benfica e Shalke 04 que habituados ao ambiente da Champions nas ultimas épocas serão os monstros da prova.




Os 40 Qualificados
  • Alemanha; Estugarda, Shalke 04, Wolfsburgo, Hamburgo, Hertha Berlin

  • Holanda; Feynoord, Ajax, Hereenveen, Twente, NEC

  • Inglaterra; Tottenham, Aston Villa, Man City, Portsmouth

  • Espanha; Racing Santader, Deportivo, Sevilha, Valencia

  • Itália; Sampdoria, Milan, Udinese

  • França; PSG, Nancy, Saint-Etienne

  • Portugal; Benfica, Braga

  • Rússia; Spartak Moscovo, CSKA

  • Bélgica; Standard Liege, Club Brugees

  • Ucrania; Metalist Kharkiv
    Grecia; Olympiakos
    Dinamarca; Copenhaga
    Rep. Checa; Slavia Praga
    Polonia; Lech Poznan
    Turquia; Galatasaray
    Servia; Partizan
    Noruega; Rosenborg
    Eslováquia; Zilina
    Croácia; Dínamo Zagreb

02/10/2008

Champions - 2ª Jornada


A 2ª jornada da Champions ficou desde logo marcada pelo desastre episódico do campeão nacional que foi totalmente aniquilado em Londres por um arsenal de jogadores fantásticos. Emmanuel Adebayor e Robbie Van Persie fizeram 2 golos / 1 assistência cada um e somaram ambos 13 pontos. No entanto o avançado togolês foi nomeado pelo aroucafantasy como player da jornada devido á sua exibição vistosa e também por ter alinhado durante os 90 minutos.
Ao contário do que se sucedeu na jornada passada, o FC Porto perdeu mas o Sporting venceu. 2-0 em Alvalade frente aos suiços do Basileia com uma exibição cinzenta mas positiva. Os estreantes Anorthosis e CFR Cluj continuam a surpreender a europa; ainda não conheceram o sabor da derrota e têm ambos já 4 pontos conquistados.
Na Arouca Champions Luís Teixeira, 4º classificado do ano transacto, é o novo líder. A sua equipa capitaneada por Steven Gerrard usou uma táctica de 3-4-3, com 2 defesas do Sporting e a dupla Kun Aguero e Júlio Baptista da Roma em grande destaque na frente. Fábio Graveto está apenas a 6 pontos e manteve o seu 2º lugar alcançado na 1ª jornada, embora agora tenha a companhia de mais 3 novos treinadores; Artus Dias Costa (o anterior líder), José Brito – o que obteve melhor pontuação nesta jornada com 68 pontos - e Pedro Tavares uma novidade. A competitividade está ainda no inicio, daqui a 15 dias á mais.

24/09/2008

Vencedor de Agosto Arouca PremierLeague 08/09



No mês em que se iniciou a Premier League, e consequentemente a Arouca PremierLeague, André Amorim, estudante de Engenharia Civil, superou os demais concorrentes e conseguiu um início prometedor sendo o Vencedor do Mês de Agosto da nossa Liga Fantástica. Este Arouquense há muito persegue um título que lhe falta no seu currículo. Será este ano que o conseguirá?! André Amorim afirma que "a meta para esta competição é ficar nos 100.000 primeiros do ranking geral da Fantasy Premier League". Até lá resta-nos esperar para ver se esse objectivo é concretizado e se assume definitivamente a candidatura ao título.
O Líder da Liga é Artur Dias Costa que este ano possui um início de época verdadeiramente espantoso até esta altura. Em grande momento de forma, Dias Costa é líder das competições que até agora decorrem sendo que ainda não se iniciou a Arouca Cup, competição onde o ano passado conseguiu a sua melhor classificação!...

Vencedor do Mês AroucaPremierLeague 08/09


O Arouca Fantasy decidiu neste novo ano de competições fantásticas destacar aqui no "teu" blog o vencedor de cada mês da Arouca PremierLeague. Mensalmente, iremos verificar quem fez a melhor pontuação e publicaremos aqui um "remate" informativo sobre o vencedor e, obviamente, faremos uma referência ao líder na altura em que esse "remate" for publicado.
De referir que o Vencedor do Mês não corresponde ao líder, mas sim a quem fez mais pontos no mês em questão, apenas nos dá uma ideia de quem, naquele período de tempo, esteve efectivamente mais forte.
A Arouca PremierLeague é acima de tudo uma prova de regularidade, competitiva q.b. e que entusiasma todos os que nela participam.

Boa sorte!...

23/09/2008

Memórias de Maradona: Parte 2



Histórias de Barcelona


Quando chegara a Barcelona, em Agosto de 1982, o treinador era o alemão Udo Lattek. Mais tarde, quando o despediram e Nunez, o presidente, me sugeriu o nome de Menotti, eu disse-lhe que sim, que era o mais indicado. E ora bem, com ele ganhamos uma Taça do Rei e um campeonato. Esse foi o melhor Barcelona de que fiz parte, táctica e tecnicamente. Muito diferente do primeiro, muito diferente. As diferenças começavam com os métodos de trabalho. Lattek fazia-nos trabalhar com bolas medicinais, de oito quilogramas, de baliza a baliza. Um dia atirei-lhe com uma ao corpo e disse-lhe “ Oiça, mister, oiça uma coisa, por que não faz isto pelo menos uma vez para ver como se sente amanha?”. Aos domingos antes dos primeiros jogos do campeonato, no primeiro domingo bateram á porta “Sim?” respondo meio adormecido e sozinho, porque o Schuster e eu tínhamos um quarto só para nós. “Sim” que horas são, pensei. Olhei para o relógio e vi que eram oito da manhã. “O que foi?” gritei. “O mister diz que tem de se levantar para caminhar”, alguém me diz.
“Diga-lhe que não caminho nada” respondi. Daí a pouco, chega o Lattek. “Aqui faz-se o que eu digo”.
“E eu quero descansar. Depois quem corre sou eu… Estou habituado a isto. Se lhe agrada, óptimo se não…”
“Vai haver castigo”
“Não vai haver castigo nenhum” respondeu o Migueli defendendo-me. “A mim também me chateia isso de caminhar as 8 da manha” acrescentou o Schuster.

...Antes de uma final da Taça do Rei, o presidente veio a uma palestra e disse “Rapaz confiamos muito em si e precisamos de si. Toda a Catalunha está dependente deste jogo precisamos de o ganhar”. Filho da Puta! O Nunez sabia que o Schuster e eu tínhamos um convite do Paul Breitner para o seu jogo de despedida, mesmo antes da final daquela Taça, e não nos queria deixar ir. A hecatombe completa acontece quando me reteve o passaporte. Enchia-me de orgulho que o alemão, o grande Paul Breitner, me tivesse convidado a mim! Para o seu jogo de despedida. Queria ir e já. Já lhe tinha telefonado a dizer que sim que ía. Na segunda-feira exigi o passaporte, mas não mo mandaram. Mais um dia e nada. Fui então lá e pedi para falar com o Nunez. “Não está” disseram-me. Eu tinha visto o carro e o motorista. “Agora não pode atender” disseram-me depois. Veio outro dirigente e disse-me “ Não Dieguito, não podemos to dar, o presidente não quer”. Estávamos na sala dos troféus, no Camp Nou. Disse-lhe: “Então o presidente não quer dar a cara? Vou esperar 5 minutos. Se não me entregam o passaporte, vou partir todos estes troféus um a um”. E mais uma vez o alemão Schuster alinhava: “Dizzz-me quando é que começçççamos”. Agarrei numa Terresa Herrera, belíssima e perguntei pela ultima vez:
- Não me dá o passaporte?
- Não, o presidente diz que não.
Levantei o troféu o mais alto que pude e atirei-o ao chão. Pummmmmmb! Fez cá uma barulheira… “ Tu estas doido”. Disse-me o Schuster. “Estou doido porque não me podem tirar o meu passaporte”. O certo é que me deram o passaporte, mas não nos deixaram ir ao jogo de despedida do Breitner na mesma. Não sei que merda foi, mas havia uma clausula qualquer da federação espenhola. Mas parti-lhes uma Terresa Herrera e devolveram-me o passaporte. Era anticonstitucional ficarem com ele!

...O certo é que a minha passagem por Barcelona acabou por se nefasta. Por causa de uma hepatite, a fractura da perna, pela cidade, pela má relação com Nunez e porque foi em Barcelona que começou a minha relação com a Droga. Mesmo que não venha ao caso com o que estou a contar, tenho que admitir que foi aí que comecei e da pior maneira. Quando entramos na droga, na verdade, queremos dizer que não e acabamos por nos ouvirmos a nós próprios a dizer que sim, porque acreditamos que a vamos controlar e que nos vamos safar… E depois tudo se complica.
A verdade é que já não suportava mais Barcelona. O ultimo jogo, no dia 5 de Maio de 1984, foi um reflexo disso. Foi uma batalha campal contra o Atlético, o nosso arqui-inimigo, na final da Taça do Rei. Perdemos por 1 a 0 e acabei aos pontapés com toda a gente porque nos estavam a ganhar e gozavam-nos. Até que um me fez um manguito, e aí, descambou tudo. Pegamo-nos a porrada no meio do campo. Ainda bem que vieram defender porque senão tinham-me matado.


Histórias de Nápoles



Para mim Nápoles, era algo italiano, como a Pizza, e nada mais. Quando me vieram buscar ao Barcelona continuava sem saber muito mais deles. E a verdade é que me queria ir embora de Espanha, da Catalunha. Para qualquer lado. Perguntam-me agora: Porque não a Juventus, o Milan, o Inter? Porque o único que se preocupou em oferecer-me alguma coisa foi o Nápoles!
No dia da minha apresentação, só para me verem, estavam 80.000 mil pessoas no San Paolo! Foi no dia 5 de Julho de 1984. Disse qualquer coisa que me ensinaram e chutei a bola para as bancadas. Os gajos deliraram e eu sem perceber nada.
Soube então que a equipa tinha estado a lutar contra a descida de divisão nas ultimas 3 temporadas, e que no ultimo campeonato de 83/84 tinha-se safado por um ponto.
Na primeira volta do campeonato 84/85, só fizemos nove pontos. Nove pontos! Fui passar o Natal a Buenos Aires cheio de vergonha.
No regresso em Janeiro jogamos com Udinese no dia dos Reis, fazia um frio do caralho, ganhamos 4-3 e marquei 2 golos. A partir daí fizemos mais pontos na 2ª volta que o Verona, que acabou por se campeão. Ficamos fora da Uefa por 2 pontos. Meti 14 golos, fiquei em 3º lugar na tabela dos goleadores a quatro do Platini. Havia cada menino no campeonato italiano: o próprio Platini, Rummenigge no Inter, Laudrup na Lazio, Zico no Udinese, Sócrates e Passarella na Fiorentina, Falcão e Toninho Cerezo na Roma. Encorajado pelos resultados fui ter com o presidente e disse "compre três ou quatro jogadores que lhe vou indicar e mande outros embora. Se não comece a pensar em vender-me que eu não fico". E assim começamos a construir uma equipa.
No ano seguinte fiz 11 golos, classificamo-nos para a Uefa e acabamos por conseguir o terceiro lugar a 6 pontos da Juve, que ganhou o Scudetto.
Nessa altura o treinador já era Ottavio Bianchi. Bem na verdade os treinadores éramos nós. Mal o vi não gostei dele. Era muito duro, não parecia um latino. Era impossível faze-lo sorrir. Comigo não se metia porque já sabia que o deixava a falar sozinho, era um gajo autoritário mas tinha bastante consideração por mim. Um dia disse-me:
- Quero que faça um exercício, atiro-lhe a bola e você faz um carrinho, para a esquerda e para a direita.
- Não faço isso! Eu não faço carrinhos. A mim, fazem-me os adversários.
- Vamos ter problemas o ano todo.
- Nesse caso vai ter que ir embora.
Embora conseguíssemos bons resultados assim era o nosso relacionamento.
Em 86/87 chegou finalmente o titulo. Ter conseguido o primeiro campeonato para o Nápoles ao fim de 60 anos, para mim foi um triunfo incomparável. Diferente de qualquer outro, inclusive do titulo munidal de 86. Gostava que todos vissem como nos festejamos.
… Surgiu depois o Milan e Berlusconi que queria dar-me o mundo para ir para Milão mas um dia disse-lhe a ele: “Berlusconi, se fecharmos o negocio, temos ambos de sair de Itália. Você vai perder os seus negócios, porque os napolitanos vão chatear-lhe os cornos todos os dias e a mim não me vão deixar viver.”
Renovei pelo Nápoles e a minha vida mudou completamente. Pedia carros que não existiam e, mesmo assim, apareciam. Aconteceu-me com um Mercedez Benz Cabriolet, que nunca chegava a Itália. Atirei a coisa ao presidente e ele telefonou para a Mercedez. Ele aceitava sempre. Passou um tempo, e um dia, Guilhermo chama-me para que fosse á varanda… Olhei para baixo e ali estava o Mercedes, rodeado por todas as pessoas que o tinham trazido, todos os chefes, era o primeiro que entrava em Itália. Desci, tudo muito giro, abraços, beijinhos, pedi a chave e entrei no carro. Toquei em tudo no volante, nos botões, uma maravilha… Num dado momento, olho e vejo as mudanças “É automático” disse-lhes. “Sim Die é automático o ultimo modelo!”. Saí do carro, devolvi as chaves agradeci e foi-me embora para casa: não gosto de carros com mudanças automáticas. Agora que estou a contar isto, percebo o louco que era.
Entretanto, a vida em Nápoles era incrível. Não podia sair nem a esquina porque… gostavam demasiado de mim. Não podia ir comprar um par de sapatos porque ao fim de 5 minutos, estava a montra partida e mil pessoas dentro da sapataria.
Simultaneamente começamos a nossa carreira na Taça Uefa. Eu morria para conseguir um titulo internacional, caralho, era isso que me faltava!
Certo dia surgiu um francês Bernard Tapie que me dava tudo para que fosse para o Marselha. Gostei da ideia, porque era impossível jogar noutro clube de Itália e tencionava um campeonato mais tranquilo como o francês.
Já nas meias finais da Taça Uefa no fim de um jogo em Munique o presidente veio falar comigo e atirou: “Se ganharmos a Taça Uefa eu deixo-te ir para o Marselha” Eu saltei de alegria.
E ganhamos! Para mim era tudo ao mesmo tempo: o primeiro titulo internacional com um clube, o nome do Nápoles na Europa, e o meu passe!
Mas Ferlaino não me quis largar. Ali mesmo, no relvado, aproximou-se quando eu ainda tinha a taça nas mãos e disse-me ao ouvido “Vamos cumprir o contrato não é verdade Diego?” Apeteceu-me partir-lhe a Taça na cabeça mas controlei-me e disse-lhe “Não é o momento presidente, não é o momento. Mas eu cumpri a minha promessa e agora o senhor vai cumprir a sua”. E responde-me ali mesmo no campo “ Não, não… Eu não te vendo, disse-te isso so para te motivar.
E ali começou outra guerra…
  • Excertos tirados do livro "Eu sou El Diego" - A história do Génio de Futebol contada na primeira pessoa.

Arouca vs Maritimo


Dia 19 de Outubro, realizar-se-á aquele que será sem duvida o jogo oficial mais mediático de toda a história do Futebol Clube de Arouca.
Após ter-se estreado na 2ª Divisão, a sua claque e todos os seus vibrantes adeptos irão ter outro feito inédito quando o clube maior do concelho entrar em campo para jogar a 3ª eliminatória da Taça de Portugal frente ao Maritimo da Primeira Liga.

Memórias de Maradona: Parte 1


O Inicio

Sabem de onde venho? Sabem como começou esta história? Eu queria jogar, mas não sabia… Não tinha a mínima ideia. Comecei como defesa. Sempre gostei e ainda me seduz jogar a libero, mesmo agora que mal me deixam tocar na bola porque têm medo que o meu coração expluda. A libero vemos tudo da retaguarda, o campo inteiro está diante nós, temos a bola e dizemos, pim, saímos por ali, pum, procuramos pelo outro lado, somos o dono da equipa. Mas, naqueles tempos, qual libero qual carapuça! A coisa era correr atrás da bola, tê-la, jogar. A mim jogar á bola dava-me uma paz única. E aquela sensação – a mesma, exactamente a mesma – tive-a sempre, até ao dia de hoje: dá-me uma bola e divirto-me e protesto e quero ganhar e quero jogar bem. Dá-me uma bola e deixa-me fazer o que sei, em qualquer sítio. Porque as pessoas, as pessoas são importantes, as pessoas motivam-nos, mas as pessoas não estão dentro de campo. E onde nos divertimos é no campo, com a bola. Isso fazíamos em Fiorito e isso mesmo fiz sempre, estivesse a jogar em Wembley ou no Maracanã, com cem mil pessoas presentes.
... Agora que á tantas complicações com isso das idades, como os brasileiros que põem jogadores mais velhos nos juvenis, devo dizer que comigo se passou a mesma coisa, mas ao contrário. Tinha 12 anos, menos três do que os meus colegas, mas o Francis (treinador) mesmo assim punha-me no banco. Se as coisas corriam mal, obrigava-me a jogar. A primeira vez foi contra o Racing, no campo de Sacachispas. Faltava meia hora, e estávamos empatados zero a zero e não acontecia nada. Mandou-me para o campo fiz 2 golos e ganhamos. O treinador rival, um tal de Palomino que conhecia Francis muito bem, chegou ao pé dele e perguntou.lhe
“Com é possível teres esse puto no banco? Trata bem dele vai ser um génio.” Francis mostrou-lhe os documentos e Palomino não queria acreditar.
Nos Argentinos vivi momentos inesquecíveis. Lembro-me de um antecedente daquele golo da mão de Deus. No parque Saavedra fiz um golo com a mão. Os da outra equipa viram-me e foram reclamar ao árbitro. Ele validou o golo e armou-se uma enorme confusão… Sei que não está certo fazer isso, mas uma coisa é dize-lo a frio e outra, muito diferente, é tomar a decisão no calor do jogo. Queres chegar á bola e a mão vai sozinha. Lembro-me sempre de um árbitro que me anulou um golo com a mão contra o Velez Sarfield, muitos anos depois deste dos Argentinos e muitos anos antes do México 86. Este árbitro aconselhou-me que não o voltasse a fazer. Eu agradeci-lhe mas também lhe disse que não podia prometer nada. Não sei se terá festejado o triunfo contra a Inglaterra...

Campeão de Mundial de Juniores





...Mas voltando ao Mundial de Juniores, os japoneses adoptaram-nos imediatamente. Acharam-nos simpáticos. Para começar, no dia 26 de Agosto, demos cinco á Indonésia – 5 a 0 – em Omiya, onde éramos cabeças de série. A partir dai não paramos. 1 a 0 a Jugoslávia, 4 a 1 a Polónia. Ganhamos o grupo sem cansarmos muito, ou melhor ao primeiro toque. Que bem que fazíamos isso! Eu era o capitão e adorava sê-lo. A verdade é que por isso mesmo, me sentia com mais responsabilidade, mas também havia coisas que não conseguia controlar. Bem, tem a ver com a minha personalidade, com a minha forma de perceber futebol. Como vivia tudo como se tratasse de uma grande desforra, queria jogar sempre, os 90 minutos de todas as partidas. Não queria perder nada. Contra a Argélia, nos quartos de final, não é que o “Flaco” me substituiu?! Mas porquê? Fiquei com uma raiva… Primeiro, não sabia o que fazer, sentei-me no banco com cara de cu. Depois, fui rapidamente para o balneário mudar de roupa. Passei-me e comecei a chorar. Quando terminou o jogo e chegaram os colegas, com outra vitoria de 5 a 0 no bolso, perceberam que tinha acontecido alguma coisa esquesita. Perguntaram-me o que tinha e eu confessei o que acontecera.
Todos tentaram consolar-me, particularmente o “Flaco”, que disse: “ Então Diego, você quer sempre. Já tinha pensado em substituir-te contra a Polónia, não vês que te quero reservar?”. Qual reservar, qual caraças! Eu queria jogar, queria jogar todos os jogos… Naquela noite quase não fui jantar, mas lembrei-me que era capitão e pensei na responsabilidade que tinha. Mas aquela raiva so passou 2 dias depois quando entramos em campo para disputar a semi-final contra o Uruguai. Durou algum tempo, não é? Bem, eu era assim naquela altura.

...No dia 25 de Junho, um ano depois da final do Mundial 78, daquela final onde eu devia ter estado, jogamos uma partida para festejar. A selecçao contra o Resto do Mundo. Fiz-me notar claro. Marquei um golo ao brasileiro Emerson Leão – um dos mais bonitos que me lembro. Chutei com a esquerda e, com muito efeito, de fora da área, cravei-a num canto… Puta que os pariu! Se me tivessem deixado estar naquele campo um ano antes, só um ano antes. Foda-se era assim tão jovem?
Nesse momento, jurei a mim mesmo não faltar nem a um só jogo da selecção, estivesse onde estivesse, custasse o que custasse. Era-me indiferente o rival. Inglaterra em Wembley não era um rival qualquer, claro, e ali estava eu. Perdemos 3 a 1 e fiquei cá com uma vontadinha de marcar-lhes o que teria sido um golaço… Na verdade, o que me aconteceu em Londres no dia 13 de Maio de 1980 serviu-me para aprender e para, seis anos depois, fazer o melhor golo da minha vida. Em Wembley, tambem os fintei todos mas, em vez de fintar tambem o guarda-redes, toquei com a esquerda e… a bola saiu assim rentinha ao poste. O meu irmão, o “Turco”, que tinha sete anos, disse-me que me tinha enganado. No mundial do México, lembrei-me do seu conselho.


Transferência para o Boca





...Bem, o certo é que estávamos neste vai-não-vai quando me telefona Franconieri, um jornalista da “Crónica” : “Olá Diego, então já está feito com o River?” Eu topei-o logo. Queria tirar nabos da púcara. Deixei-o falar um bocado e, então joguei forte: “ Não, não vou assinar porque me chamaram do Boca”. Foi assim, de repente, nem sei bem, foi uma inspiração, uma dessas ideias que só aparecem de vez em quando. A noticia, completamente nova, pareceu-lhe magnifica e aproveitou. Á tarde, saiu a “Crónica” com o titulo enorme na primeira pagina: “ Maradona no Boca”. A operação já estava em marcha, so faltava um promenor: que os dirigentes do Boca topassem… E os dirigentes do Boca toparam. Perguntaram-me se era verdade que realmente queria ir para o Boca ou se era uma jogada para pressionar o River. É fácil imaginar qual foi a minha resposta. Era uma situação estranha. O River com o dinheiro todo e sem a minha vontade; o Boca, sem um centavo e com toda a minha paixão.
No meio deste imbróglio vou com o Argentino Juniors a Mar del Plata jogar a Taça de Ouro… contra o River! Eh, lá! Toda a gente sabia que eu morria pelo Boca e não pararam de me insultar durante o jogo todo: “Maradona filho da puta; a puta que te pariu!”. O tempo todo! Na verdade eu era o tipo mais feliz do mundo. Até esse momento não tinha feito mais nenhuma declaração, mas naquela noite, mal sai do balneário – ainda por cima tínhamos perdido 1 a 0 - quase gritei “Depois destes insultos, não tenho duvidas, quero ir para o Boca”. Caíram-me todos em cima: o velho Próspero Consoli, o presidente do Argentinos, que me adorava, mas que me queria matar. Tinha perdido 13 milhoes de dólares ao River e sabia que eles iam desenbolsa-los. Mas, o Boca? Nada. Que fazer? Como fazer? Começaram as negociações.
  • Excertos tirados do livro "Eu sou El Diego" - A história do Génio de futebol contada na primeira pessoa.

19/09/2008

Astros da Europa: Tymoschuk



  • Nome: Anatoly Tymoschuk
  • Idade: 29 anos
  • Clube: Zenit St. Petesburg
  • País: Ucrânia

Sem estar com grandes rodeios Anatoly Tymoschuk tem que ser obrigatoriamente englobado numa lista de 5 melhores trincos do futebol mundial do ano 2008 que está ainda a decorrer. Este médio ucraniano de 29 anos é o exemplo perfeito do médio defensivo moderno que cobre todo os espaços vazios de campo cumprindo exemplarmente tacticamente durante os 90 minutos.
Recuperador de bolas incansável, é uma espécie de Paulo Assunção mas mais ofensivo e útil para a equipa. Trabalha com eficiência nos processos defensivos dando a cara em forma de escudo á frente da sua defesa, rigoroso nas dobras e todas aquelas manobras tácticas que ninguém vê e exemplar no início de jogadas ofensivas, apoiando constantemente o ataque fazendo alguns golos.
Começou num clube modesto da Ucrânia mas cedo se mudou para o Shaktar Donestk onde actuou durante 10 anos e era capitão de equipa. Foi 3 vezes campeão e considerado o melhor jogador do pais em 2002. Participou no Mundial 2006 onde chegou aos oitavos de final e foi considerado estrela da equipa a par de Shevchenko. Seguidamente tornou-se no jogador mais caro dos países de leste transferindo-se por 15 Milhões de Euros para o Zenit que injectado de dinheiro programava na altura montar uma equipa que 2 anos mais tarde viria a encantar a Europa.
1 Ano bastou para Dick Advocaat captasse o seu espírito de liderança e lhe entregasse a braçadeira de capitão. Depois de ter levantado a Taça Uefa em Manchester no estádio do City, Anatoly Tymoschuk já não é propriamente um jovem para altos voos mas estamos gratos por poder vê-lo este ano na Liga dos Campeões.

18/09/2008

Champions 08/09 - 1º Jornada



A emoção semanal da fantasy está de regresso e a nossa Arouca Champions abriu com 81 jogadores, um número verdadeiramente notável.
Frank Lampard, médio inglês do Chelsea, sem duvida um dos melhores do mundo e desde sempre uma referência para quem joga fantasy, abre a época europeia exactamente como a terminou: player da jornada. Na época transacta o internacional inglês, foi o jogador mais vezes nomeado homem da jornada, foi o 3º mais pontuado (só atrás de Ronaldo e Gerrard) e naturalmente fez parte da Dream Team. Este ano confirma o seu domínio logo na ronda inaugural, destacando-se na vitória folgada do Chelsea frente ao Bordéus, fazendo 1 golo, 2 assistências e 15 pontos.
Nos outros jogos destaque para a vitória surpreendente do Cluj em terrenos italianos, da goleada do Atlético Madrid na Holanda, o empate do Anorthosis em Bremen e naturalmente a excelente vitória caseira do FC Porto. O Sporting sentiu-se muito pequeno no planeta catalão e terá que “obrigatoriamente” vencer o Basileia em casa na próxima jornada que se realiza daqui a 15 dias.
A Arouca Champions conheceu assim o seu primeiro líder: Artur Dias Costa, um treinador que tem rondado os lugares cimeiros noutros anos, inicia assim a época da melhor forma somando 81 pontos que o deixam como 974º a nível mundial. Utilizou uma táctica de 3-5-2, onde se destacaram as máquinas inglesas (Lampard (cap) e Gerrard) e o ponta de lança francês Karim Benzema.
O 2º lugar é ocupado por Fábio Graveto que detém uma ligeira distância de 2 pontos para o grupo de 2 treinadores que englobam o terceiro posto.

17/09/2008

Presenças na Champions



Esta tabela é apenas para os mais curiosos e mostra-nos quais os países que mais equipas levaram á Champions League no novo século, desde 2000, o ano em que a competição ganhou o formato de 32 equipas.
Espanha lidera sozinha esta tabela, não conseguindo levar 4 equipas apenas numa época. Portugal encontra-se atrás de paises como a Grécia e Holanda e não poderá aumentar muito o seu performance futuramente uma vez que só poderá levar 2 equipas nas próximas épocas.

12/09/2008

Arouca Champions 08/09


Abriu finalmente a Arouca Champions 08/09, tens até Terça-Feira (19:30) data limite de entrada da 1ª jornada para fazeres equipa. Se jogaste no ano passado entrarás automaticamente para a liga, senão informa-te através dos teus colegas para adquirires o código.




Contamos contigo!

08/09/2008

Champions á Porta


Após o início da frenética Premier League, vai começar finalmente a sensacional e tão aguardada Champions 08/09. Os grupos estão já definidos e a 1ª jornada tem data marcada para 16 e 17 de Setembro, estejam por isso atentos pois a nossa Arouca Champions poderá abrir a qualquer momento.
Infelizmente, depois da amarga eliminação do Vitória de Guimarães, Portugal irá apenas contar com 2 equipas (Porto e Sporting). Destaque para estreia do Chipre e Biélorussia e para a presença de 2 equipas romenas nesta fase da competição, algo que nunca tinha acontecido.
Devido a isso será um ano especial se tivermos em conta as novas equipas em que poderemos apostar: algumas que regressam assim aos grandes palcos depois de, e por diferentes razoes terem estado afastadas como Atlético Madrid, Villarreal, Bayern Munich, Fiorentina, Juventus ou até o Basileia e outras que irão ser estreia absoluta na fase de grupos; CFR Cluj, Anorthosis, AaB, Zenit e BATE.
Chelsea, Inter, Barcelona, Liverpool, Man. United, Arsenal e Real Madrid continuam a ser os monstros da prova enquanto que Lyon, Bremen, Bordéus, Porto, Sporting, Marselha, PSV, Celtic, Shakhtar, Dynamo Kiev, Steaua Bucareste, Panathinaikos, Roma e Fenerbache são já clientes habituais destes últimos anos.
Será o 3º campeonato daquela, que de todas por nós organizadas, é a competição que mais jogadores movimenta;
Depois de 52 players no primeiro ano e 72 no ano transacto, esperamos atingir a meta dos 100 participantes para 08/09 o que será um número record.
Rui Gomes venceu em 07, Pedro Reis em 08 quem vencerá em 2009?

19/08/2008

Simplesmente Premiership

A Premier League iniciou-se este fim de semana e dos 4 suspeitos do costume, apenas o Man. United não conseguiu vencer. Nasri e Deco estrearam-se da melhor forma com golos e boas exibições, assim como o Hull City que começou a sua aventura no melhor futebol do mundo com uma excelente vitoria caseira.
Logo na ronda inaugural Inglaterra não perde tempo a oferecer sensacionais momentos de puro futebol... o lateral direito Gretar Steinsson do Bolton foi o obreiro desta proeza. Até prá semana.

Show de Agbonlahor


Gabriel Agbonlahor é uma jovem promessa do futebol inglês que com apenas 21 anos vai para a sua 3 temporada na equipa principal do Aston Villa. Na época transacta foi um jogador preponderante para o 6º lugar alcançado pela equipa de Birmingham e é sem dúvida, juntamente com o capitão Gareth Barry o jogador mais acarinhado pelos adeptos.
Depois dos 11 golos marcados no ano passado o internacional sub-21 inglês inicia a época em grande realizando um fantástico hat trick em apenas 8 minutos.
É um marco assinalável na carreira deste rapidíssimo e explosivo avançado inglês, mas no entanto insuficiente para bater o record de Robbie Fowler que em 1994 ao serviço do Liverpool apontou 3 golos ao Arsenal em apenas 4 minutos e 33 segundos…

14/08/2008

Arouca PremierLeague - Identificações


Pede-se aos jogadores e equipas seguidamente referenciados que contactem a administração para identificação de treinadores. Esse contacto deverá ser feito através do email aroucafantasy@gmail.com. Os jogadores que não forem identificados serão automaticamente excluídos da Arouca PremierLeague. Se algum dos administradores identificar alguém deve também avisar a adiministração da Liga.


As equipas e treinadores que não conseguimos identificar são os seguintes:

Applebeach01 – Hugo Correia
F C Apocalipse – Xavier Julião
F c do A – André pimenta
Fcjpr – Jaime


Se estás nesta lista e és de Arouca nao hesites em entrar em contacto connosco.


Obrigado

09/08/2008

Arouca PremierLeague 2008/2009

Como prometido no post anterior, vamos falar agora dos clubes que normalmente complicam a vida aos grandes e por vezes se intrometem na luta dos primeiros lugares da tabela!


O Tottenham é uma equipa que se tem tentado afirmar no campeonato inglês, mas apesar dos grandes investimentos feitos ano após ano, não tem sido capaz de manter um nível exibicional que lhe permita sonhar mais alto. Este ano perdeu uma das suas grandes referências do ataque R. Keane, que se transferiu para Liverpool e o seu guardião Paul Robinson que se mudou para o Blackburn.
Se para a saída de P. Robinson a solução já estava encontrada antes dele sair com a contratação do brasileiro Gomes (ex- PSV), para o lugar de Keane a solução encontrada foi Giovani dos Santos (ex-Barça)! No entanto, aguarda-se com expectativa a possível chegada de David Villa, que a realizar-se será das mais sensacionais transferências do ano! Para o meio campo as excelentes contratações de David Bentley (ex-Blackburn) e Luka Modric (ex-D. Zagreb), permitem sonhar com uma boa época e quem sabe alcançar algo mais! Craques não faltam!

O “Jogador Fantasy” da equipa é obviamente Berbatov!


O Everton engloba mais uma vez o lote dos melhores clubes da segunda linha da liga inglesa, pelo simples facto de tudo o que fez no passado! Ao contrário do Tottenham, até ao momento não fez nenhuma contratação de relevo, mas também não perdeu nenhum jogador de grande influência para a equipa. O excelente 5º lugar da época passada parece ser tudo o que podem prometer!
T. Howard, Lescott, Arteta e Yakubu, formam a espinha dorsal desta equipa!

O “Jogador Fantasy” da equipa é o defesa Lescott.

De grande sensação da fase inicial da época passada, o City foi no final a grande desilusão! Toda a gente sabe que é uma das equipas do futebol inglês recheada de bons jogadores, mas talvez a instabilidade criada pelo tipo de gestão imposta pelo magnata tailandês que é proprietário do clube, seja um factor destabilizador desta equipa.
Não houve grandes mudanças na equipa este ano e talvez isso seja um ponto de viragem para uma boa época…completa já agora!
A grande aposta do City este ano foi o brasileiro Jo, que promete fazer muito sucesso por Manchester. As grandes referências da equipa são o defesa R. Dunne, os médios Petrov e Elano e o avançado Benjani.


O “Jogador Fantasy” da equipa é Petrov.




O sétimo lugar da época passada é sem duvida uma excelente classificação no melhor campeonato do mundo, mas com a perda da sua maior estrela para o Tottenham, o Blackburn nada pode prometer para a nova época! Robbie Fowler, vindo do Cardiff, é o nome mais sonante das contratações do Blackburn, mas a sua origem actual deixa muitas suspeitas daquilo que poderá fazer ao longo da época. Será que quem sabe nunca esquece mesmo? De resto, a saída de Fridel, é sem dúvida compensada pela entrada de Paul Robinson, não se devendo fazer notar grande diferença na baliza! Espera-se para ver se sem Bentley, as estrelas da companhia como Pederson, Santa Cruz e Mccarthy repetem as excelentes épocas que esta equipa tem feito nos últimos anos.

O “Jogador Fantasy” após a saída de Bentley desta equipa é Santa Cruz.




A cidade portuária de Portsmouth, tem vivido com grande emoção as excelentes épocas da sua equipa e motivos para isso não lhe faltam! Por ali joga-se futebol e de grande qualidade, sendo esta uma das equipas com melhor futebol da Premier League. Conhecendo nós por cá as qualidades de Pedro Mendes e a maneira como ele mete a bola a correr de um lado para o outro trazendo enorme qualidade ao jogo, dizer que ele nem por isso é titular, no caso do Portsmouth os resultados justificam-no e se ele não joga é porque qualidade não falta a esta equipa. Sem nomes muito sonantes, é uma equipa equilibrada com um plantel que já é da casa, o que por vezes traz um aumento de qualidade época após época. Peter Crouch, vindo Liverpool é a mais sonante contratação para esta época, o que nem por isso lhe garante um lugar já que vai ter que o discutir com Defoe, Utaka ou Kanu! O maestro da equipa é Kranjcar e pena é que este jogador não possa ter P. Mendes como companhia…vamos ver!

O “Jogador Fantasy” sem grande surpresa é David James.



No próximo post, iremos tentar falar dos restantes clubes com especial atenção para alguns dos históricos do campeonato inglês, que não englobamos neste grupo de clubes por não serem ou não têm sido tão mediáticos como as suas histórias revelam ao longo dos últimos anos.
Esperamos que este post tenha sido uma boa ajuda para os treinadores mais desatentos, já que foi feita referência aqueles que têm sido as grandes estrelas do futebol inglês.

Para facilitar a adesão à Arouca PremierLeague, o código de acesso vai ser posto no Blog e posteriormente será feita uma selecção dos participantes, sendo critério obrigatório, ter de alguma maneira uma ligação afectiva a Arouca e os nomes de todos os treinadores têm que ser Nomes Próprios, sob pena de tambem ser excluido quem não cumprir.


Código de Acesso : 8671-3832


Até à próxima…